Forças de segurança do Egito prendem 15 pessoas por ataque a igreja cristã

As autoridades disseram que 12 dos presos são muçulmanos e três são cristãos

Por O Dia

Cairo - Forças de segurança do Egito informaram que 15 pessoas foram presas em função de um ataque na sexta-feira contra uma igreja cristã não autorizada no sul da capital, Cairo. As autoridades disseram que 12 dos presos são muçulmanos e três são cristãos.

Centenas de manifestantes muçulmanos entraram na igreja após as orações de sexta-feira, de acordo com a diocese local, destruindo as instalações e gritando slogans contra os cristãos e pela demolição da igreja. Os cristãos representam 10% da população egípcia. Normalmente, a violência acontece nas comunidades rurais. Ele são também vítimas de militantes islâmicos. 

Últimas de _legado_Mundo e Ciência