Julgamento de Bo Xilai é marcado na China

Ex-secretário é protagonista do maior escândalo político chinês em vinte anos

Por O Dia

Pequim (China) - O julgamento do ex-secretário do Partido Comunista da China (PCCh) Bo Xilai será realizado no dia 22 de agosto, informou neste domingo a agência oficial "Xinhua". Bo, cuja esposa, Gu Kailai, foi condenada à prisão perpétua no ano passado pelo assassinato do empresário britânico Neil Heywood, enfrenta as acusações de suborno, desvio e abuso de poder, segundo anunciou em 25 de julho o próprio tribunal.

O julgamento do protagonista do maior escândalo político da China em 20 anos será "público" e vai acontecer na manhã da quinta-feira na no Tribunal Popular Intermediário de Jinan (leste do país). Bo não foi visto em público desde sua queda (março de 2012), embora se acredite que tenha permanecido em uma prisão dos arredores de Pequim na qual costumam ser detidos altos cargos condenados por corrupção.

Últimas de _legado_Mundo e Ciência