Atentado em estação de trem na Rússia mata pelo menos 15 pessoas

Porta-voz do Comitê de Instrução do país, Vladimir Markin, disse que a explosão se deveu a uma ação terrorista

Por O Dia

Rússia - Pelo menos 15 pessoas morreram neste domingo em um atentado a bomba ocorrido em uma estação de trem da cidade russa de Volgogrado, antiga Stalingrado, segundo informaram as autoridades locais. "Segundo os dados em nosso poder, há 15 mortos e 40 feridos", informou um porta-voz do governo da região de Volgogrado à agência oficial "RIA Novosti".

O porta-voz do Comitê de Instrução da Rússia, Vladimir Markin, disse que a explosão se deveu a uma ação terrorista. O Comitê Nacional Antiterrorista, por sua parte, afirmou que tudo indica que a bomba foi detonada por uma terrorista suicida.

Atentando em estação de trem em Volgogrado mata 15 pessoas e deixa 40 feridosEFE

Segundo dados preliminares, a explosão ocorreu na zona de entrada do edifício da estação "Volgogrado-1". Em função das festas de fim de ano, o local estava bastante cheio. Após o ataque, a polícia começou a evacuar a estação diante da possibilidade de ocorrer uma segunda explosão, tática utilizada habitualmente pela guerrilha islamita para causar o maior número de vítimas possível.

Por esta razão, além das equipes médicas, bombeiros e outros serviços de emergência, homens do esquadrão anti-bombas foram para aestação.

Volgogrado foi cenário em 21 de outubro do atentado terrorista mais grave ocorrido na Rússia em dois anos e meio, quando uma terrorista suicida oriunda do Cáucaso matou seis pessoas em um ônibus. Recentemente, o presidente russo, Vladimir Putin, endureceu as leis antiterroristas em função da recente reativação dos grupos islamitas do Cáucaso norte. As autoridades russas temem um aumento da atividade terrorista e guerrilheira conforme se aproxima a inauguração dos Jogos Olímpicos de Inverno de Sochi (Mar Negro), que serão realizados próximo do Cáucaso em fevereiro de 2014.

Últimas de _legado_Mundo e Ciência