Chega à 16 o número de mortos pelo incêndio em Valparaíso, no Chile

Michelle Bachelet declarou a cidade uma zona de catástrofe

Por O Dia

Chile - O número de mortos pelo incêndio florestal em Valparaíso, no Chile, chega à 16 pessoas e três ficaram gravemente feridas. O acidente com causa ainda desconhecida, ocorreu em cinco montanhas da cidade portuária, na tarde deste sábado, na qual 500 casas foram destruídas.

>>>GALERIA DE FOTOS: Incêndio destrói casas no Chile

"Até o momento estão confirmados 16 mortos", informou ao canal "24 Horas" o general Julio Pinedam, chefe dos carabineiros (polícia militar chilena) de Valparaíso. Com a intensificação dos avanços de remoção dos escombros, o número de mortos, provavelmente, irá aumentar.

Cerca de cinco mil pessoas foram evacuadas, incluindo mais de 200 prisioneiros. A maioria das casas de Valparaíso, onde vivem cerca de 250 mil pessoas, é construída com material leve, facilmente inflamável, o que unido ao vento faz com que os incêndios sejam frequentes.

Vista da fumaça causada pelo incêndio em uma das colinas de Valparaíso%2C no ChileEFE

A presidenta Michelle Bachelet declarou a cidade uma zona de catástrofe, o que encarrega as Forças Armadas de manter a ordem e de evacuar de milhares de pessoas afetadas pela fumaça e chamas.

Últimas de _legado_Mundo e Ciência