Após acordo, Coreia do Sul suspende propaganda anticomunista

Enquanto isso, Kim Jong-un cancelou o 'estado de quase guerra' com a nação vizinha

Por O Dia

Seul - A Coreia do Sul interrompeu à 1h00 (horário de Brasília) da madrugada desta terça-feira a campanha anticomunista feita por alto-falantes instalados perto da fronteira com a Coreia do Norte. Por outro lado, o regime de Kim Jong-un cancelou o "estado de quase guerra" com a nação vizinha. As medidas são parte do acordo firmado nesta segunda-feira por Seul e Pyongyang para acabar com a tensão na divisa.

Após acordo%2C Seul suspende propaganda anticomunistaEPA

Segundo a Coreia do Sul, a propaganda era uma resposta ao incidente com minas do Norte que feriram dois soldados na zona desmilitarizada entre os dois países no início do mês. Esses episódios acabaram provocando uma rápida troca de tiros na fronteira, sem consequências graves.

Últimas de _legado_Mundo e Ciência