Bandidos fecham comércio em favela de Niterói

Morte de traficante teria motivado ação

Por O Dia

Rio - O comércio na comunidade Nova Brasília, em Engenhoca, Niterói, Região Metropolitana do Rio, foi fechado durante à tarde desta quinta-feira.

A ordem teria partido de criminosos, em represália à morte de um traficante conhecido como “MG”, depois de um confronto com a polícia, na semana passada, segundo militares.

De acordo com a Fundação Municipal de Educação de Niterói, a Escola Infante Dom Henrique, que fica na região, suspendeu as aulas nesta quinta, devido a falta de segurança. Cerca de 400 alunos ficaram sem aulas.

A Fundação ainda não sabe informar se as aulas serão retomadas hoje ou se a escola vai permanecer de portas fechadas. Apesar dos estabelecimentos fechados, a PM informou que não houve registro de nova troca de tiros no local.

Segundo policiais do 12º BPM (Niterói), seis viaturas reforçaram a região, onde vão permanecer por tempo indeterminado. MG, foi baleado durante uma troca de tiros com a Polícia Militar e chegou a ser levado para o Hospital Azevedo Lima, também em Niterói, mas morreu na manhã de ontem.

Últimas de Rio De Janeiro