Homem morre esfaqueado por assaltante em Pilares

A vítima levou uma facada no peito e acabou morrendo ainda no local

Por O Dia

Rio - O promotor de vendas Gustavo Alves, de 35 anos, foi assassinado na tarde desta quarta-feira, em Pilares, Zona Norte do Rio.  Ele caminhava sob um viaduto na Linha Amarela, próximo da favela Fernão Cardim, quando foi abordado por um suspeito. De acordo com testemunhas, Gustavo levou uma facada no peito e acabou morrendo ainda no local. O celular da vítima foi roubado pelo autor do crime.

Gustavo trabalhava organizando prateleiras em supermercados da região. A Divisão de Homicídios investiga o caso. 

Leia mais: Taxista é esfaqueado em Niterói

Idoso de 80 anos é esfaqueado na Zona Oeste

Alerj aprova projeto de lei que criminaliza porte de armas brancas

Mais um caso em São Cristóvão

Nesta madrugada, uma moradora de rua foi esfaqueada ao tentar evitar um assalto na Rua São Januário, em São Cristóvão. De acondo com a PM, ela tentou impedir que um menor de rua assaltasse o motorista do táxi e acabou agredida. A mulher foi levada ao Hospital Municipal Souza Aguiar. O estado de saúde ainda não foi divulgado.  O caso foi registrado na 17ª DP. 

Arma branca matou 225 em 2014

Segundo dados do Instituto de Segurança Pública (ISP), só em 2014 foram registradas 225 mortes por crimes cometidos com armas brancas. Armamentos similares também foram utilizadas em 391 tentativas de homicídio, 13 latrocínios, 115 tentativas de lesões corporais e 1.440 casos de lesões corporais.


Últimas de Rio De Janeiro