PM prende homem que teria esfaqueado fuzileiro naval em São Cristóvão

Paulo César Silva Alves, 23 anos, tinha mandado de prisão temporária em aberto e pode responder pelo crime

Por O Dia

Rio - Foi preso, na madrugada desta segunda-feira, um homem que teria esfaqueado um fuzileiro naval durante uma tentativa de assalto em São Cristóvão, na Zona Norte. Alexandre Lima Ribeiro, de 23 anos, foi vítima do assaltante quando deixou o Centro de Tradições Nordestinas, no dia 22 de maio.

O suspeito foi detido por policiais militares do 4º BPM (São Cristóvão) que faziam patrulhamento no mesmo bairro onde ocorreu o crime. Ele foi conduzido até a 17ª DP (São Cristóvão), onde ficou constatado que havia um mandado de prisão temporário em aberto por ter roubado e ferido com uma faca o fuzileiro naval. Paulo César Silva Alves, 23 anos, responderá por tentativa de latrocínio.

Alexandre Lima Ribeiro, 23 anos, foi esfaqueado em São Cristóvão, na Zona NorteCarlo Wrede / Arquivo / Agência O Dia

Alexandre chegou a ficar internado por alguns dias no Hospital Naval Marcílio Dias, no Lins, por conta do ataque. Ele passou por cirurgia na unidade devido à hemorragia interna provocada pelos golpes. Ele teve dois ferimentos no braço direito, um no esquerdo, um no ombro esquerdo e outro no tórax.

O fuzileiro naval foi a quarta vítima de assalto a faca somente naquele dia. Ele foi esfaqueado no momento em que os casos de assalto com faca se multiplicavam no Rio. Na semana anterior, o médico Jaime Gold, de 56 anos, foi esfaqueado na Lagoa e morreu no Hospital Miguel Couto, na Gávea. O caso ganhou repercussão internacional.

Últimas de Rio De Janeiro