Em vídeo, esposa de pastor acusado de estupro chama vítima de prostituta

Mulher desmente acusações feitas ao marido

Por O Dia

Rio -  A esposa do pastor Marcos Pereira da Silva, preso sob suspeita de estupro, Ana Madureira Pereira da Silva, apareceu em um vídeo publicado pelo canal da Assembleia de Deus dos Últimos Dias (Adud) no Youtube, em que defende o marido das acusações e acusa uma das vítimas de "ser uma prostituta".

"Estou extremamente aborrecida com o que estou ouvindo na mídia. Eu quero dizer que isto (as acusações de estupro) são mentira. Ele não me estuprou. Estou cansada dessas galhofadas", afirmou em depoimento. Veja o vídeo abaixo.

Ana Madureira relata que uma das supostas vítimas do estupro do pastor "chegou à Adud muito cedo, solteira, e saiu casada, com uma filha de sete anos". A esposa de Marcos Pereira ainda desmente as acusações de José Júnior, líder do Afroreggae, que acusou o religioso de ameaças.

"Eu quero dizer pra esse seu Afroreggae (sic) que meu marido está orando para Jesus salvar ele (sic)", disse. Ana ainda relata que o marido "evangeliza bandidos, pregamos o evangelho. A dona mídia também precisa conhecer Jesus para aprender o caminho de Deus", finaliza.

Últimas de _legado_Rio