São João de Meriti vai devolver a UPA 24 Horas de Jardim Íris

Prefeito Sandro Matos oficializará na terça-feira a devolução ao estado da unidade que foi fechada há 20 dias

Por O Dia

O lixo na porta de casa do comerciante Silva do Nascimento, de 38 anos, representa bem o drama dos moradores de São João de Meriti. Além de não contar mais com a UPA 24 Horas de Jardim Íris, fechada há 20 dias, têm que conviver com moscas e ratos por causa do entulho espalhado pela cidade, principalmente na Avenida Automóvel Clube, em Vilar dos Telles, onde mora Nascimento.

Silva do Nascimento conta que a coleta de lixo está irregular há duas semanas. Entulho está por toda a parteEstefan Radovicz / Agência O Dia

Segundo o comerciante, há duas semanas a coleta está irregular. Além disso, pneus, galhos e restos de móveis estão por todos a lados. “Este espaço era para ser uma praça, mas no lugar temos um monte de lixo”, reclama o morador.

Ele foi à UPA Jardim Íris no domingo em busca de atendimento na ortopedia, mas se deparou com a unidade fechada e um aviso para procurar o Posto de Éden.

Já a recepcionista Rosemar Soares, 33, foi ao PAM de Vilar dos Teles, principal posto de saúde da cidade, para consulta com um ortopedista, mas não conseguiu ser atendida por falta de profissional. “Tive que ir à UPA de Duque de Caxias para não perder o dia de trabalho”, contou Rosemar.

O prefeito Sandro Matos (PDT) alega que a coleta de lixo está regular e que a prefeitura, “mesmo sem ter obrigação de retirar o entulho”, vai intensificar a limpeza a partir desta semana. Já com relação à UPA 24 Horas de Jardim Íris, ele disse que até terça-feira vai oficializar a devolução para o governo do estado, “que não repassa a verba há cinco meses”. Segundo Sandro Matos, a decisão já recebeu o aval do Conselho Municipal de Saúde.

Últimas de _legado_O Dia na Baixada