Operação Cidade Limpa é iniciada em São Gonçalo

Cerca de 30 fiscais farão o acompanhamento do trabalho. Quem desrespeitar o Código de Posturas e descartar lixo de forma irregular, será multado

Por O Dia

Rio - Mais de 300 pontos de acúmulo irregular de lixo foram identificados por equipes da Prefeitura de São Gonçalo, na região Metropolitana, que trabalham no mutirão de limpeza da cidade. Nesta última segunda-feira (23), secretários municipais se reuniram para definir as ações de combate a esses lixões espalhados pelos bairros. Batizado de “Cidade Limpa”, o trabalho de limpeza começará a ser feito na próxima quarta-feira (24), inicialmente, no anel viário do município.

Cerca de 30 fiscais farão o acompanhamento deste trabalho de recolhimento de lixo. Eles distribuirão adesivos e cartilhas no comércio e nas residências, com informações sobre a coleta de lixo, informando os dias e horários que o caminhão recolherá o lixo regularmente. A ação será dividida em quatro trechos: Alcântara x Centro; Centro x Neves; Covanca x Zé Garoto; e Lindo Parque x Alcântara.

"O primeiro passo da ação foi identificar os pontos críticos de acúmulo de lixo em toda a cidade. Levantamos, inicialmente, 319 locais. Boa parte destes pontos estão concentrados nos corredores viários e, por isso, vamos focar nesta área. Logo depois, vamos para os demais bairros", explicou o secretário de Governo e Comunicação, Sandro Almeida.

Quem desrespeitar o Código de Posturas, de acordo com a Lei 017/03, e descartar o lixo de forma irregular, será notificado e depois multado. As multas giram em torno de 20 UFISGs, que hoje equivale a R$561,60.

Representantes das empresas de coleta e varrição também acompanharam a reunião e foram convocados a apoiar as ações e também serão alvo da fiscalização. Nesta terça-feira (24), a equipe fechará o plano de ações para dar início ao trabalho a partir das 8h de quarta-feira (24).

Quem desejar denunciar pontos de acúmulo de lixo e fazer pedido para o recolhimento poderá entrar em contato através do disque-denúncia:2199-6378.

Últimas de _legado_O Dia no Estado