Rio Sem Fronteiras: Legião contra evasão escolar

Nos últimos três anos, projeto Aluno Presente reinseriu mais de 12 mil crianças nos colégios

Por O Dia

Rio - Mais de 12 mil crianças que estavam fora da escola ou prestes a evadir foram reinseridas, nos últimos três anos, graças ao Aluno Presente, projeto da Secretaria Municipal de Educação e da Associação Cidade Escola Aprendiz. A iniciativa faz o mapeamento das crianças de 6 a 14 anos dentro de suas comunidades, com a ajuda de 50 articuladores locais.

Mais de 12 mil crianças que estavam fora da escola ou prestes a evadir foram reinseridas nos últimos três anosDivulgação

“Eles percorrem favelas e periferias com base em listas de frequência e abandono fornecidas pela secretaria”, afirma Julia Ventura, coordenadora executiva da ONG. Além disso, a política pública faz parcerias com instituições locais para receber indicações de crianças fora da escola. Julia afirma que muitas vezes as crianças que não estão frequentando a escola por estarem em situações de risco precisam de ajuda para retomarem os estudos. “Fazemos o acompanhamento até que voltem a escola.” Ótima iniciativa!

Bando Cultural Favelados%2C companhia de teatro da Rocinha%2C participará na semana que vem%2C do Ditadura em CenaCarlo Wrede / Agência O Dia

Bando Cultural 1

O Bando Cultural Favelados, companhia de teatro da Rocinha, participará na semana que vem, do Ditadura em Cena, que trará ao debate o período no país. “Vamos apresentar uma peça com a nossa visão, nossa vivência”, garante Richard Castelo Branco, diretor do Bando, que levará sete atores para a Biblioteca Parque local. “Vamos surpreender”, promete.

Bando Cultural 2

A companhia está a procura de novos atores, profissionais e iniciantes. Aos que não tiverem experiência, o Bando ainda oferece oficinas de teatro. “Temos aulas de introdução, voz e corpo.” Além das artes cênicas, os alunos ainda contam com oficinas de muay thai e capoeira. “Pedimos uma contribuição de R$ 30, quem não tiver, deve vir também”, convida.

Aluno Presente 1

Este ano, o Aluno Presente recebeu um reforço da Associação das Escolas de Samba Mirins, EASM, participando de ensaios da Herdeiros da Vila (Vila Isabel), Mangueira do Amanhã, Aprendizes do Salgueiro e Filhos da Águia (Portela) para conscientizar sobre a evasão. Segundo a EASM, cerca de 40 mil crianças representam suas escolas no Carnaval carioca.

Aluno Presente 2

O trabalho do Aluno Presente não é tarefa fácil. Segundo a Secretaria Municipal de Educação, até fevereiro, 14.583 crianças e adolescentes de 6 a 14 anos foram localizados fora da escola ou em risco de evasão escolar na cidade. Deste total, 12.453 foram inseridos em escolas da rede municipal de Educação. O trabalho continua em busca da reinserção das outras 2.130.

Política pública permanente

Segundo Julia Ventura, o Aluno Presente é uma política pública que termina em dezembro deste ano. “ O objetivo geral é que permaneça, nesse sentindo estamos trabalhando e conversando para isso”, afirma a coordenadora que não descarta a possibilidade de que o projeto possa ser replicado em outras partes do estado. “Trabalhamos com parcerias, já temos mais de 1.400 cadastros.” Segundo ela, vai desde projetos esportivos em favelas a órgãos como secretarias municipais de Educação, Saúde e Desenvolvimento Social.

O grafiteiro Paulista Kobra, que fez várias intervenções em favelas, já escolheu a próxima eleita: Providência. Segundo moradores da favela, ele deve chegar lá nas próximas semanas para fazer sua arte e talvez ainda vá para a Vila Kennedy, que ainda não recebeu nenhum grafite seu.

AGENDA

?Sarau da Utopia: Sexta-feira, Rio das Pedras recebe o Sarau da Utopia, que contará com batalha de poesia, libertação de livros, música e dança. A partir das 19h, na Praça dos Pinheiros.

Samba e Jazz na Babilônia: A Babilônia receberá hoje a cantora Flavia Enne, no Samba e Jazz no Jardim, que será realizado no Espaço Jardim da Babiônia. A festa começa a partir das 17h30.

Faces de Ana na Maré: O Projeto Maré Latina recebe esta semana a exposição ‘Faces de Ana’, pintora, atriz e escritora de 85 anos que vive no complexo. Travessa 15, 12, Maré. Entrada franca.

Na laje do Santa Marta: Com o Cristo Redentor na paisagem, o Santa Marta inaugura hoje o Santa Laje, que vai misturar música e gastronomia paraense. R$ 30, o convite. Informações: 99102-0037.

Últimas de Rio De Janeiro