Violência fecha comércio e deixa moradores em pânico na Baixada

Policial troca tiros com assaltante, em São João de Meriti, e mulher fica ferida, gerando pânico nas ruas

Por O Dia

Rio - Moradores e comerciantes do Centro de São João de Meriti viveram momentos de pânico durante uma tentativa de assalto na tarde desta sexta-feira. Um policial militar que passava pelo local trocou tiros com o criminoso, e uma mulher ficou ferida. André Mansano dos Santos foi preso em flagrante. 

Deise Silva da Cunha, 42, foi baleada no braço. Ela foi levada para o Hospital Geral de Nova Iguaçu, o Hospital da Posse, onde foi atendida, teve a bala retirada e, em seguida, foi liberada. Antes do tiroteio, moradores já relatavam na internet que traficantes teriam ordenado comerciantes do Centro a baixarem as portas por causa de um bandido que teria sido baleado em confronto com a polícia. A polícia, no entanto, negou e informou que o fechamento de estabelecimentos ocorreu por medo após o tiroteio.

A arma que estava com o assaltante, um revólver 38, foi apreendida e os pertences da vítima, recuperados. O caso foi registrado na 64ª DP.

A criminalidade tem crescido em São João de Meriti. Segundo dados do Instituto de Segurança, o roubo a pedestres subiu de 255 casos para 366 em março, em relação a igual período de 2015.

Últimas de Rio De Janeiro