MP denuncia autor de mensagens racistas contra Ludmilla

Promotor solicitou ainda medidas de proteção à cantora, para que acusado não possa se aproximar dela e nem ir aos shows

Por O Dia

MP denunciou, nesta segunda-feira, Hélder dos Santos Santana por mensagens racistas contra a cantora LudmillaSandro Vox / Agência O Dia

Rio - O Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro denunciou, nesta segunda-feira, o professor de capoeira Hélder dos Santos Santana, o PQD, por cometer injúrias racistas contra a cantora Ludmilla. Além disso, o promotor de Justiça Márcio Nobre também solicitou medidas de proteção à artista, para que o acusado não possa se aproximar dela e nem frequentar espetáculos em que ela se apresente.

“O denunciado ofendeu a dignidade da vítima, demonstrando desapreço e desrespeito, sendo certo que não foi esta a primeira vez que assim agiu”, ressaltou o promotor na denúncia.

No dia 22 de maio, em uma postagem feita por Ludmilla numa rede social, Hélder comentou "Odeio essa criola nojenta (sic)". Mesmo sendo criticado pelos internautas, o professor continuou atacando a cantora.

Hélder, que já responde na Justiça por crime de tentativa de homicídio, agora deverá ser incurso nas penas do artigo 140, do Código Penal, podendo ser condenado a até três anos de prisão e multa.

?LEIA MAIS: Polícia identifica autor de mensagens racistas em rede social à Ludmilla

Últimas de Rio De Janeiro