PM reduz efetivo no Réveillon de Copacabana

Serão 1,9 mil homens mobilizados para a festa da virada, 300 a menos em comparação com o ano passado

Por O Dia

Rio - O público esperado para a festa da virada do ano em Copacabana é de 2 milhões de pessoas, repetindo a mesma previsão do ano anterior. Mas o policiamento responsável pela segurança nas ruas caiu. Serão cerca de 1,9 mil ao longo dos 4,5 quilômetros da orla — 300 a menos em comparação ao ano passado. Ao todo, serão 10 mil policiais militares no Réveillon em todo o Estado do Rio de Janeiro. No ano passado, foram 12 mil. O esquema de policiamento começa amanhã, a partir das 8h. E será concluído depois de 24 horas, no dia 1º de janeiro.

Em nota, a PM se limitou a dizer que o policiamento foi planejado de acordo com a estrutura montada pela Prefeitura do Rio. O especialista em segurança pública e ex-integrante do Batalhão de Operações Especiais (Bope), Paulo Storani, levanta duas possibilidades para a queda do policiamento: “Normalmente, o planejamento anterior serve como base para o ano seguinte. Pode ter sido feita uma avaliação para reduzir o efetivo. Mas também pode ser um efeito do impacto da crise, com a falta de condição de empregar um policial que não está recebendo pagamento”.

Balsas oceânicas que serão usadas na tradicional queima de fogos foram aprovadas em vistoriaAgência Brasil

Torres de observação

O policiamento em Copacabana contará com 30 torres de observação na orla, onde estarão posicionados 120 agentes. A estrutura ainda contará com 64 viaturas, motos, cães e cavalos. O Batalhão de Choque vai atuar em 29 pontos de bloqueio, em apoio à CET-Rio.

O Grupamento Especial Tático em Moto Patrulhamento (GETEM) fará comboios nas ruas internas. O Grupamento Aeromóvel (GAM), equipado com câmeras, vai monitorar os principais pontos da cidade.

As 11 balsas oceânicas do Réveillon de Copacabana foram vistoriadas, ontem, por representantes da Prefeitura do Rio, Capitania dos Portos, Corpo de Bombeiros e Coordenadoria de Fiscalização de Armas e Explosivos (Cfae) da Polícia Civil. Elas atenderam aos requisitos de segurança e estão liberadas para a tradicional queima de fogos na virada do ano.

Metrô para a virada de ano

Os bilhetes de metrô do Réveillon podem ser adquiridos até amanhã nas estações Pavuna, Uruguai e Jardim Oceânico. Também podem ser encontrados em bilheterias especiais nas estações Carioca, Glória e Central. Na Operação Réveillon, não serão aceitos cartões da RioCard, unitário e pré-pago, das 19h de amanhã às 7h do dia 1º. Esses cartões só serão aceitos até a virada nas estações Siqueira Campos, Cantagalo e General Osório.

Últimas de Rio De Janeiro