Suspeitos de integrar milícia são presos em Nova Iguaçu

Segundo polícia, outros dois integrantes da quadrilha continuam foragidos

Por O Dia

Rio -  Dois suspeitos de integrar uma milícia foram presos, na tarde desta quinta-feira, em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense. De acordo com agentes da Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas e de Inquéritos Especiais (Draco),  Warley Paul Mansur ainda foi preso em flagrante por posse de munição de uso restrito.

Na casa do homem, policiais encontraram dois carregadores de pistola com munição. Na mesma ação, Gabriel da Silva Santos, conhecido como Biruleibe, foi preso. O rapaz foi um dos procurados na operação “Conexão Cabuçu”, deflagrada em setembro de 2016 e que contou com mais de 200 policiais.

“Essas prisões são relevantes na medida em que desfazem a estrutura criminosa implantada na região. As ações prosseguiram para que fossem cumpridos os mandados de prisão e para que fosse feito o mapeamento da região para futuras operações”, afirmou o delegado titular da Draco, Alexandre Herdy.

Segundo a Polícia Civil, Daniel de Oliveira e Leandro Menezes Barbosa, o "Batata do Aliança", apontados como integrantes da quadrilha, continuam foragidos. 

Últimas de Rio De Janeiro