Homem é preso após se masturbar dentro de ônibus em Niterói

Ele estava sentado ao lado de uma passageira. Segundo relatos, uma testemunha filmou e mandou para o marido, que depois acionou a polícia

Por O Dia

Rio - Um homem foi solto após ter sido preso suspeito de se masturbar ao lado de uma passageira, em um ônibus da linha 45 (Cubango x Centro de Niterói), na manhã desta quarta-feira, em Niterói. De acordo com as testemunhas, ele colocou a mochila em cima das pernas enquanto assistia a vídeos pornográficos. Segundo relatos, ele ainda olhava para a mulher ao seu lado no momento em que praticava o ato. 

Uma outra passageira que estava sentada no banco atrás do suspeito filmou a cena e enviou para o namorado, que acionou a polícia e foi até o local. Ao chegar no ônibus, ele discutiu com o homem, que negou que estivesse vendo as imagens e ameaçou de tirar uma foto da mulher que gravou o vídeo. 

O suspeito foi levado para a Delegacia de Atendimento à Mulher (Deam) de Niterói. A mulher que gravou o vídeo e outra testemunha também foram à delegacia prestar depoimento. Já a passageira que estava ao lado do homem no ônibus desceu do coletivo e não quis ir à Deam.

Antes de ser liberado, ele assinou um termo circunstanciado. De acordo com os inspetores da Deam, a delegada já está sabendo do caso e vai avaliar quais serão as medidas a serem tomadas.

"Recebi um vídeo dos amigos, não ia abrir, mas acabei abrindo. A menina de trás me acusou e eu disse 'pelo amor de Deus, não estou me masturbando'. O meu erro foi ter aberto [o arquivo] ao lado de uma mulher. Todos me olharam com reprovação", disse o homem, que é de São Paulo, mas mora no Rio há oito anos. Ele tem uma filha de 14 anos.

Em nota, a Polícia Civil informou que o "caso será remetido ao Juizado Especial Criminal (JECRIM), que tem a competência para análise dessas infrações de menor potencial ofensivo, com base no artigo 61 da Lei de Contravenções Penais, que pune quem importuna alguém, em lugar público ou acessível ao público, de modo ofensivo ao pudor com sanção prevista na referida lei, a ser declinada pelo juízo competente".

Na última quinta-feira, um homem foi preso em flagrante depois de ejacular na perna de uma mulher na estação Mato Alto do BRT, em Guaratiba, na Zona Oeste do Rio. Após o ocorrido, a vítima procurou os policiais do Programa Estadual de Integração na Segurança (Proeis), que trabalham no patrulhamento desse sistema de transporte, e prenderam o suspeito.

O homem foi encaminhado para a Delegacia de Atendimento à Mulher (Deam) de Campo Grande, também na Zona Oeste, para registro de ocorrência. Segundo a Polícia Civil, o agressor se esfregou na vítima, que percebeu quando ele ejaculou. O homem foi ouvido e responderá por importunação ofensiva ao pudor.

Últimas de Rio De Janeiro