Sargento presa com R$ 18 mil dentro do comando da PM na Baixada

Dinheiro estava na bolsa da militar separado em envelopes com inscrições de patentes de oficiais e iniciais de nomes

Por O Dia

Rio - Uma sargento da Policial Militar foi presa com R$ 18 mil na bolsa dentro do 3º Comando de Policiamento de Área (CPA), responsável pelos batalhões da Baixada Fluminense. O dinheiro, segundo informações, estava separado em envelopes com inscrições de patentes de oficiais como tenente, coronel, major e capitão, além de iniciais de nomes como as letras A e M. De acordo com relatos, ela foi pega no portão da guarda no momento em que teria pego o envelope, que seria uma encomenda para um oficial. A policial está presa na Unidade Prisional Especial da PM, em Niterói.

A prisão fez cair o comando do 3º CPA. Para o lugar da comandante da unidade, Claudia de Melo Lovain de Menezes Cardoso, foi nomeado o coronel Sergio do Carmo Schalioni. As mudanças foram publicadas ontem no boletim interno da PM 208.

As investigações sobre o caso estavam em andamento há alguns dias

Questionada sobre a prisão da sargento e as circunstâncias do caso, a assessoria de imprensa da PM afirmou que vai se pronunciar sobre o caso ainda hoje.


Últimas de Rio De Janeiro