Presidente nacional do PT manda bancada do Rio votar por prisão de peemedebistas

Posicionamento de Gleisi Hoffmann é contrário ao do presidente estadual do partido, Washington Quaquá

Por O Dia

Rio - Presidente nacional do PT, Gleisi Hoffmann determinou que os quatro deputados estaduais do partido no Rio votem pela manutenção da prisão dos peemedebistas Jorge Picciani, Paulo Melo e Edson Albertassi. A decisão vai contra a posição do presidente estadual do PT, Washington Quaquá, que em entrevista ao Informe chegou a criticar a "ditadura do Judiciário".

Em mensagem no grupo de Whatsapp do PT-RJ, Quaquá escreveu:

Mensagem do presidente estadual do PT Washington Quaquá para os deputados estaduais do PT no RioReprodução

"Camaradas, a presidenta Gleisi consultando a executiva nacional informou que a posição é pela manutenção da prisão. Nese caso de repercussão nacional vamos seguir a orientação nacional".


Últimas de Rio De Janeiro