Árbitro justifica expulsões por conta de tapas, socos e empurrões  - Reprodução
Árbitro justifica expulsões por conta de tapas, socos e empurrões Reprodução
Por O Dia

Rio - Com quatro expulsões, o clássico entre Flamengo e Vasco terminou empatado em 1 a 1 no Maracanã, no último sábado. Cuéllar e Rhodolfo pelo Rubro-negro. Riascos e Breno pelo Gigante da Colina. A confusão começou após um lance envolvendo o colombianoo e Éverton Ribeiro no segundo tempo. O árbitro justificou os cartões na súmula da partida. 

O vice-presidente do Flamengo, Ricardo Lomba, assim como o técnico Barbieri, questionou a arbitragem:

"Lance do Riascos não tem justificativa. Não seria o caso de arbitro de vídeo. O jogo estava parado. O Riascos empurrou. É agressão, teria que ser o vermelho direto. Se toma o vermelho não haveria toda a confusão", contestou.

Você pode gostar