Campanha contra produtos roubados

Por FRANCISCO EDSON ALVES

Ipem: 71 mil brinquedos piratas
Ipem: 71 mil brinquedos piratas - DIVULGAÇÃO

As Forças de Segurança do Rio vão integrar e ajudar a divulgar a campanha '#NãoCompreViolência. Mercadoria roubada: quem compra faz vítimas', lançada pela Alerj, em parceria com o Disque Denúncia. O objetivo é conscientizar cariocas e turistas que, ao adquirir produtos roubados, viram cúmplices de criminosos e alimentam uma cadeia de roubos, furtos e assassinatos.

Ontem a ideia foi apresentada no Centro Integrado de Comando e Controle a assessores das polícias Militar e Civil; Exército; Secretaria de Segurança Pública e Agência Brasileira de Inteligência. A intenção da Alerj é buscar mais parcerias para "transformar a campanha em uma causa", incluindo a pirataria. No último dia 10, o Instituto de Pesos e Medidas apreendeu 71 mil brinquedos piratas. O roubo de cargas, no primeiro semestre, atingiu a média de 27 casos por dia, com prejuízos de R$ 1 bilhão ao setor em 2016.

Comentários

Últimas de Rio De Janeiro