Vídeo mostra virada no Alemão com disparos de ponto 50

A arma de uso exclusivo das Forças Armadas pode derrubar até um avião

Por O Dia

Um vídeo que circula pela internet mostra traficantes comemorando o Réveillon no Complexo do Alemão disparando para cima um fuzil ponto 50. A arma de uso exclusivo das Forças Armadas pode derrubar até um avião. No vídeo, revelado pelo RJ TV, o suposto bandido diz que os tiros são em homenagem ao traficante Rogério 157, acusado o tráfico na Rocinha e preso no fim de 2017.

De 2015 até agora, apenas uma ponto 50 foi apreendida no Rio, no Complexo do Chapadão. Segundo as investigações, o fuzil chegou às mãos dos traficantes por meio de Marcelo Fernando Pinheiro Veiga, o Marcelo Piloto, um dos maiores fornecedores de armas para as favelas cariocas, preso em dezembro, no Paraguai.

Em outras imagens do Ano Novo no Alemão, divulgadas nas redes sociais, traficantes exibem outros tipos de fuzis com a inscrição 'Trem do 157'.

Balas perdidas

Na noite de Réveillon, pelo menos duas pessoas foram atingidas por balas perdidas no Rio. A jornalista Márcia Mendel, de 37 anos, foi atingida por um tiro de fuzil enquanto brindava a chegada do Ano Novo na cobertura em que mora, no bairro do Flamengo, na Zona Sul. A jornalista contou que estava com os filhos e parentes quando sentiu uma forte dor no pé e percebeu que sangrava. Ela não entendeu o que aconteceu, fez um curativo e, na manhã seguinte, o exame de raio x mostrou do que se tratava. Ela passou por cirurgia para tirar a bala.

Em Vigário Geral, na Zona Norte, Laís de Souza, de 7 anos, foi atingida às 1h40 do dia 1º quando brincava no quintal durante a festa da virada.

Comentários

Últimas de Rio De Janeiro