já é carnaval

Centro terá 17 blocos no domingo. Amanhã, escolas de samba tocam em Copacabana

Por JONATHAN FERREIRA

A já tradicional 'Abertura do Carnaval Não Oficial' reuniu milhares de foliões no Centro no ano passado
A já tradicional 'Abertura do Carnaval Não Oficial' reuniu milhares de foliões no Centro no ano passado - Alexandre Brum/ AGÊNCIA ODIA - 08/01/2017

Passado o Réveillon, o Carnaval vai tomar as ruas da cidade já no primeiro final de semana de 2018. A folia começa com as baterias das 13 escolas de samba do Grupo Especial na Praia de Copacabana, amanhã, a partir das 18h. No domingo, é a vez da já tradicional 'Abertura do Carnaval Não Oficial', com 17 blocos se apresentando no Centro do Rio.

No evento de amanhã, os ritmistas, divididos em dois grupos, desfilarão por 700 metros na Avenida Atlântica, tocando sambas de enredo, em direção ao palco onde foi o show de Réveillon. Lá, está previsto o grande encontro com a Orquestra Petrobras Sinfônica, às 19h. O evento também contará com shows dos cantores Diogo Nogueira, Martinho da Vila, Alcione e Iza.

No domingo, a 'Abertura do Carnaval Não Oficial' começa por volta do meio-dia. A festa é organizada pela Desliga dos Blocos, um grupo formado há 10 anos por músicos e foliões que defendem o Carnaval de rua sem as exigências de autorizações de órgãos oficiais e financiamento privado. "Esse evento prega que o Carnaval não precisa de burocracia. Ele pode ser também a junção de pessoas que estão ali na rua para se divertir", ponderou Luisa Mattos, uma das integrantes do bloco Boi Tolo, que irá se apresentar na Praça 15.

Em um ano marcado pela discussão sobre o corte na subvenção municipal às escolas de samba e da redução nos valores repassados aos blocos de rua, os membros da Desliga da Justiça defendem que o Carnaval de rua pode ser apenas uma reunião de pessoas dispostas a se divertirem juntas, sem cachê aos músicos ou qualquer tipo de patrocínio privado.

O diretor do bloco Me Enterra na Quarta, Jô Codeço, explicou que os blocos irão sair de diversos pontos do Centro com destino final à Praça 15. "Ao chegar na Praça 15, no final do dia, teremos a apresentação do Cordão do Boi Bolo. Será uma confluência de amigos e músicos. A ideia é juntar os blocos e tocarmos todos juntos", antecipou (veja a programação completa ao lado).

O co-fundador do Boi Tolo, Edu Pereira, ressaltou que os blocos saem à rua para brincar. "Tentamos preservar e buscar o Carnaval tradicional, valorizando as marchinhas. Mas cada bloco tem seu ritmo", explicou. A Sinfônia Ambulante iniciará sua apresentação na Praça Araribóia, em Niterói, e seguirá de barca em direção à Praça 15.

No sábado, haverá também outro evento carnavalesco: o Baile da Sorte, que terá New Kids On The Bloco, Agytoê, Sereias da Guanabara e Disritmia no Terreirão do Samba, a partir das 22h.

Galeria de Fotos

A já tradicional 'Abertura do Carnaval Não Oficial' reuniu milhares de foliões no Centro no ano passado Alexandre Brum/ AGÊNCIA ODIA - 08/01/2017
Fantasias costumam se misturar a faixas e cartazes de protesto no encontro de blocos do Centro Alexandre Brum / Agência O Dia - 08/01/2017

Comentários

Últimas de Rio De Janeiro