Flávio Ricco: Record fará mudanças nos jornais da manhã

Troca do Travassos pelo Tino Junior, decidida como alternativa para alterar a atual ordem dos números, deve se processar no decorrer desses próximos dias

Por O Dia

Rio - A direção da Record, usando de cautela e muita elegância, tem procurado deixar como está o quadro de apresentadores dos seus programas, diante do inesperado afastamento do Marcelo Rezende. E assim deve continuar, até segunda ordem, com Luiz Bacci no comando do ‘Cidade Alerta’. Isto não significa, no entanto, que não se promovam mudanças pontuais, que se façam necessárias em outros horários, especialmente naqueles que estão com resultados abaixo do esperado. É o que tem acontecido, após o deslocamento do Bacci e a sua substituição por William Travassos, com as exibições da primeira edição do ‘Balanço Geral’ e ‘SP no Ar’. Os dois observaram quedas importantes na audiência, perdendo quase que diariamente para o ‘Primeiro Impacto’, do SBT, o que chega a ser visto e entendido como um completo desastre.

Por aí, sim, deve haver mudanças. A troca do Travassos pelo Tino Junior, decidida como alternativa para alterar a atual ordem dos números, deve se processar no decorrer desses próximos dias. 

FALTA DEFINIR

Será na primeira, mais tardar segunda semana de agosto, o lançamento do novo telejornal local da Record, em São Paulo, na faixa da noite.

Mesmo dia em que a grade sofrerá outras alterações, inclusive com a estreia da reprise de ‘Os Dez Mandamentos’. 

DETALHE

A Record ainda não tem apresentador para este seu novo telejornal. 

O que se sabe, e por aí já existe a certeza, é que será alguém de fora. A ideia é pegar alguém do mercado. 

EM MEIO A TUDO

Também é possível adiantar que, finalmente, entrou em pauta necessária discussão que visa a troca do cenário do ‘Jornal da Record’.

O atual, que ao fundo tem uma escada que leva do nada a lugar nenhum, está em cartaz desde 2009. 

SÓ ALEGRIA

A Globo foi na certeza ao acertar com Cao Hamburguer para ‘Malhação’.

Desde sempre existiu a confiança de um retorno à altura do seu trabalho, no entanto, ‘Viva a Diferença’, além da coerência ao título, tem superado toda a expectativa.

Os resultados registrados estão bem além daqueles que eram esperados. 

UMA FORTUNA

Como Marcelo Rezende optou por um tratamento alternativo em vez de convencional, que chegou a iniciar no Einstein, as despesas não estão mais sendo cobertas pelo seu plano de saúde. É ele quem está pagando tudo do próprio bolso. E não é pouco. 

ENTRADA

A escalação de Paloma Duarte para a nova série do Rafinha Bastos, ‘Eu, Ela e Um Milhão de Seguidores’, no Multishow, é vista nos corredores do Projac como escala numa emissora da Globosat, antes de ser aproveitada em uma novela da Globo.

Ela já está há 12 anos fora de lá, boa parte deste tempo contratada da Record. 

PREJUÍZO

A próxima edição do ‘Teleton’ vai acontecer nos dias 27 e 28 de outubro. E se nada mudar até lá, uma campanha que não poderá contar com a audiência da TV paga. O SBT, como se sabe, é integrante da Simba, ao lado de Record e RedeTV!, e está metida nessa queda de braço com as operadoras. 

QUEDA DE BRAÇO...

Que tão cedo não deve chegar ao seu final. A disposição de continuar brigando e reivindicando aquilo que julgam ter direito promete continuar por tempo indeterminado. Edir Macedo e Silvio Santos, pelo menos, estão fechados e prometem ir até o fim na questão.

Últimas de Diversão