Diretor do Tottenham admite que não pode segurar Bale se ele quiser sair

Sir Keith Mills sobre o desejo do galês 'Se ele está desesperado para sair, não podemos forçar que fique'

Por O Dia

Inglaterra - O diretor do Tottenham deu sinais de que o clube começa a ceder em relação à venda de Bale para o Real Madrid. Ao contrário do presidente do time inglês, que sempre descartou a negociação, Sir Keith Mills declarou que deseja que o jogador fique, mas que não pode forçar o jogador a continuar na equipe.

"Se ele está desesperado para sair, não podemos forçar para jogue conosco. Mesmo se ele tiver contrato, não se pode forçar alguém a jogar aonde não quer", disse ao "London Evening Standard".

Bale interessa ao Real MadridEfe

Em relação ao futuro do Tottenham, o dirigente lembra que o time possui outros atletas além de Bale. Mills acredita que o clube pode disputar todas as competições de igual para igual na próxima temporada.

"Neste verão, estamos nos transformando em uma grande equipe que nos leve à Champions League para o ano que vem e que comecemos a ganhar troféus, FA Cups... É disso que o Tottenham precisa. Fizemos algumas boas contratações", concluiu.

Últimas de Esporte