Neilton carimba vaga de titular e lidera o Botafogo no duelo com a Chapecoense

Após incendiar o clássico com o Flamengo, atacante ganha chance no time e recebe elogios do técnico Ricardo Gomes

Por O Dia

Santa Catarina - O bom aproveitamento no treino de finalização carimbou a vaga de Neilton como titular contra a Chapecoense, neste domingo, às 16h, na Arena Condá, em Santa Catarina. Recuperado de dores musculares, o atacante, que completará 50 jogos com a camisa do Botafogo, terá a chance de fugir do rótulo de jogador de segundo tempo. Embora tenha entrado no decorrer do clássico com o Flamengo e incendiado a equipe, com direito a um gol e participação no terceiro do empate em 3 a 3, Neilton conta com o incentivo de Ricardo Gomes para sonhar mais alto.

Neilton%2C ao lado de Sassá%2C é o artilheiro do Botafogo na temporadaVitor Silva / SSPress / Botafogo

“Tudo é levado em consideração nas minhas escolhas: aspecto tático, físico... Contra o Flamengo foi uma opção Neilton começar no banco. Ele tem muita habilidade e, às vezes, gosto que entre com o rival desgastado. Isso depende do cenário. É muito mais minha escolha de proposta de jogo. Mas Neilton tem capacidade e qualidade para começar jogando”, disse Ricardo.

Com sete gols, Neilton divide a artilharia da equipe no ano com Sassá, que, a exemplo de Rodrigo Pimpão, foi vetado do confronto deste domingo, em razão de dores musculares. Felizmente, Neilton não estará sozinho na missão de fazer os gols na Arena Condá. Cercado de muita expectativa, o chileno Canales, de 34 anos, deve estrear como titular.

“A torcida tem dúvida, curiosidade. Vejo que atacantes, assim como zagueiros, adaptam-se bem. Jogadores de meio de campo têm um ritmo diferente, pela cultura, característica de jogar no país de origem... Pelo desempenho nos treinos creio que (Canales) vá corresponder. Espero estar certo”, disse o técnico.

No entanto, Ricardo não abriu o jogo e promete levar o mistério entre a escalação de Fernandes ou Salgueiro até minutos antes de a bola rolar, em Chapecó.

Escalações

Chapecoense: Marcelo Boeck; Gimenez, Demerson, Filipe Machado e Dener Assunção; Josimar, Sérgio Manoel e Hyoran; Lucas Gomes, Ananias e Kempes.

Botafogo: Sidão; Luis Ricardo, Carli, Emerson e Diogo Barbosa; Bruno Silva, Rodrigo Lindoso, Fernandes (Salgueiro) e Camilo; Neilton e Canales.