Fluminense só empata com o Atlético-PR e perde a chance de dormir na liderança

Tricolor e Furacão ficaram no 1 a 1 em duelo realizado no Maracanã

Por O Dia

Rio - Atuando dentro de casa, o Fluminense perdeu a chance de dormir na liderança do Brasileirão. Em uma atuação pouco inspirada, a equipe carioca não conseguiu nem aproveitar a vantagem numérica que teve na parte final da partida e ficou no 1 a 1 contra o Furacão, no Maracanã.

Os gols da partida foram marcados por Pablo e Reginaldo. Na próxima rodada, o Fluminense joga contra o Palmeiras, no sábado, em São Paulo. Já o Atlético-PR recebe o Santos, no domingo, na Arena da Baixada.

Fluminense ficou no empate por 1 a 1 com o Atlético-PRMárcio Mercante / Agência O Dia

O JOGO

O primeiro tempo de Fluminense e Atlético-PR teve domínio tricolor. Com muito mais posse de bola, a equipe da casa conseguiu criar boas oportunidades. No entanto, o Furacão acabou saindo na frente. Antes do intervalo, o clube carioca conseguiu o empate.

O Tricolor começou a partida em cima do Furacão tentando estabelecer uma pressão. Porém, na primeira chegada que teve, os paranaenses abriram o placar. Jonathan recebeu na direita e cruzou na medida para Pablo abrir o marcador com sete minutos.

A equipe carioca não sentiu o gol e continuou em cima. O Fluminense teve chances de empatar a partida, mas só conseguiu deixar tudo igual aos 32 minutos. Scarpa cruzou e Reginaldo desviou de cabeça para o fundo das redes.

O segundo tempo começou em um ritmo menos acelerado. O Atlético-PR acertou a marcação e o Fluminense tinha dificuldades para criar. Abel tentou mudar a equipe e colocou o atacante Matheus Alessandro no lugar de Lucas.

Próximo do fim da partida, os paranaenses ficaram com um a menos. Após levantamento para a área, Renato tentou uma bicicleta, mas acabou chutando o rosto de Wanderson. O jogador não teve condições de ficar em campo, como já tinha feito as três substituições, o Furacão acabou ficando com dez jogadores em campo.

Os últimos minutos foram de pressão desordenada. Sem conseguir se beneficiar do um jogador a mais que tinha em campo, o Tricolor por muito pouco não levou o segundo em um contra-ataque do Furacão. Sem inspiração, a equipe carioca ficou no empate.

FICHA TÉCNICA
FLUMINENSE 1X1 ATLÉTICO-PR

Local: Maracanã, Rio de Janeiro (RJ)
Árbitro: Igor Junio Benevuto (MG)
Assistentes: Marcio Eustáquio Santiago (MG) e Celso Luiz da Silva (MG)
Renda/Público: R$ 255.900,00 / 14.843 presentes (13.029 pagantes)
Cartão amarelo: Renato, Léo e Richarlison (FLU); Lucho González, Jonathan e Santos (CAP)
Cartão vermelho: Não houve.
GOLS: Pablo (0-1, 7'/1ºT) e Reginaldo (1-1, 32'/1ºT)

FLUMINENSE: Júlio César; Lucas (Matheus Alessandro, 24'/2ºT), Nogueira, Henrique e Léo; Luiz Fernando (Marcos Junior, 38'/2ºT), Wendel e Douglas; Scarpa, Richarlison (Pedro, 42'/2ºT) e Henrique Dourado - Técnico: Abel Braga.

ATLÉTICO-PR: Santos; Jonathan, Paulo André, Wanderson e Sidcley; Otávio, Lucho González (Deivid, 20'/2ºT), Eduardo Henrique (Matheus Rossetto, Intervalo) e Nikão; Pablo e Eduardo da Silva (Douglas Coutinho, Intervalo) - Técnico: Eduardo Baptista.