Milton Mendes critica expulsão e avalia trabalho: 'conseguimos coisas bonitas'

Técnico do Vasco falou sobre possibilidade de realizar uma inter-temporada, buscando aprimorar a parte física do elenco do Vasco

Por O Dia

Rio - O técnico Milton Mendes fez questão de minimizar a derrota para o Fluminense, na semifinal do Campeonato Carioca. Elogiando a equipe adversária, o treinador afirmou que seus comandados lutaram, ressaltando que segue tendo uma avaliação positiva de seu trabalho no Vasco.

Milton Mendes terá 21 dias para trabalhar sua equipePaulo Fernandes/Vasco.com.br

Após a eliminação, o técnico vascaíno parabenizou os jogadores pela disposição dentro de campo, principalmente por terem um jogador a menos durante boa parte do segundo tempo. A expulsão de Douglas, aliás, foi criticada por Milton Mendes.

"As coisas dificultaram com a expulsão. Acho que o árbitro foi muito exigente no critério. Não gosto de falar sobre arbitragem, mas o menino [Douglas] não merecia ser expulso no meu ponto de vista. Quero parabenizar meus jogadores pela entrega e determinação que tiveram em campo com um homem a menos. Tudo que eles podiam eles fizeram. Tenho certeza que meus jogadores não podiam fazer mais porque não tinham condições."

A única competição que restou ao Vasco neste ano foi o Brasileirão. Até a estreia contra o Palmeiras, no próximo dia 14 de maio, o clube terá mais 21 dias de preparação. Elogiando o elenco que tem nas mãos, Milton Mendes falou sobre a possibilidade de uma inter-temporada.

"Vamos analisar com a direção a possibilidade de fazermos um camping, uma inter-temporada, para ver o que a gente pode tirar de partido disso, para conseguir ganhar alguns degraus na parte física. Sempre disse que o plantel que eu tinha era suficiente. E foi. Não é porque perdemos que os jogadores deixam de estar em um nível que acho que poderíamos seguir em frente. Já conseguimos coisas bonitas."

Enquanto isso, o elenco sub-20 do Vasco venceu, na manhã deste domingo, o Flamengo, também pelo placar de 3 a 0 e se classificou à final da Taça Guanabara da categoria, onde enfrenta o Fluminense.