Após 16 dias, greve de ônibus chega ao fim em São Luís

Passagens serão reajustadas em R$ 0,30 na capital

Por O Dia

Maranhão - A greve dos rodoviários de São Luís chegou ao fim após 16 dias de paralisações. Na conciliação, desta sexta-feira, mediada pelo Tribunal Regional do Trabalho do Maranhão (TRT-MA) entre o Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários no Estado do Maranhão (Sttrema), Sindicato das Empresas de Transporte (SET) e Secretaria Municipal de Trânsito e Transporte (SMTT) determinou o reajuste salarial de 7,8%, além do vale-alimentação, em 9,6%.

Os valores das passagens de ônibus também serão reajustados em todos os níveis em R$ 0,30. Deixando as passagens mais baratas no valor de R$ 1,60, e as mais caras em R$ 2,40. Na ocasião, as empresas de ônibus terão que colocar 250 ônibus novos nas ruas, para justificar aos usuários o aumento nos preços das passagens.

Inicialmente, os rodoviários reivindicavam 16% de aumento salarial. Em uma audiência de conciliação, os representantes da categoria apresentaram uma nova proposta, reduzindo o percentual de reajuste para 11%.

Os trabalhadores também aceitaram abrir mão da exigência de redução da jornada de trabalho de sete horas e 20 minutos para seis horas diárias, mas mantiveram outros itens da pauta, como 40% de reajuste do tíquete-alimentação, inclusão de mais um dependente no plano de saúde, implantação do plano odontológico e seguro de vida.

Últimas de _legado_Brasil