Condomínios horizontais ganham cada vez mais projeção

Terrenos podem ser comprados dentro de empreendimentos com lazer completo e segurança

Por O Dia

Rio - Os condomínios de terrenos estão em alta em todo o estado. Neste modelo, o cliente compra o lote e pode construir a casa do seu jeito e no seu tempo, dentro de empreendimentos que são entregues com lazer completo e segurança. As opções estão em cidades como Rio, Maricá, Itaboraí e São Pedro D’Aldeia, entre outras regiões.

Bruno Serpa Pinto, vice-presidente de Operações da Brasil Brokers no Rio de Janeiro, afirma que a imobiliária já comercializou mais de 3.500 terrenos na região de Maricá e Itaboraí. “Os projetos estão surgindo em áreas de expansão. Eles se valorizam com a chegada dos futuros moradores dos condomínios e dos serviços, que visam atendê-los”, explica Bruno.

Projeto de casa do condomínio Holiday%2C em ItaboraíDivulgação

Outra vantagem, segundo ele, é a de construir a própria casa, pois o preço de construção da moradia fica quase pelo valor de custo. “Uma das coisas que contribuem para o sucesso de vendas é o conceito de condomínio-clube, que caiu no gosto dos compradores”, completa o executivo.

Na RJ 114, estrada que liga Itaboraí a Maricá, Bruno afirma que já foram lançados seis condomínios de terrenos. Em Maricá, o número sobe para oito. A Zayd, por exemplo, lançou recentemente o Holiday Park Land, em Itaboraí, com 836 terrenos, dos quais mais de 700 foram escriturados em menos de um mês.

“Além do lazer e da segurança, oferecemos van exclusiva para levar os moradores aos principais pontos da região, um mall e também damos ao cliente o projeto da casa. Ele pode escolher entre três opções, o que representa economia que pode chegar a R$ 15 mil”, diz Barão Tozini, diretor da empresa. Segundo ele, a expectativa para este ano é de lançar mais quatro empreendimentos com este perfil.

Modelo em Campos e Maricá

A Alphaville Urbanismo, em parceria com a Construtora São José, leva o modelo para Campos dos Goytacazes com o Alphaville Campos, um complexo com 592 lotes residenciais e o Town Center, com 16 lotes de uso misto para abrigar edifícios residenciais, corporativos, comércio e serviços.

“Buscamos estabelecer um novo vetor de expansão imobiliária na Zona Sul desta cidade, região ainda pouco explorada, e transformar o local em um polo de excelência urbanística”, prevê Klausner Monteiro, diretor Comercial da Alphaville.

A empresa também investe em Maricá com o Terras Alphaville Maricá 2, que vai oferecer 588 lotes residenciais e clube exclusivo.

Últimas de _legado_Imóveis