Polícia faz 'papel de babá' em Copacabana

PM recolhe moradores de rua diariamente no bairro

Por O Dia

Rio - Apesar de o secretário de Segurança José Mariano Beltrame afirmar que a polícia não é babá de menores e moradores de rua, e que é preciso mais atuação do Estado e da sociedade, este parece ser o papel que agentes do 19º BPM (Copacabana) fazem diariamente.

Há cerca de dois meses, pelo menos quatro policiais fazem uma ronda pelo calçadão oferecendo levar menores para abrigos da prefeitura, dirigindo uma patrulha e uma kombi branca descaracterizada.

“Desde que a PM passou a assumir esta função, não vi mais a Van da prefeitura", afirma um morador, que não se identificou.

O ponto em frente à Rua Santa Clara é um dos que mais recebiam moradores de rua e menores, que pararam de frequentar o local.

Viatura da PM escolta Kombi com moradores de rua recolhidosAndré Balocco / Agência O Dia

De acordo com o comandante do 19º BPM, tenente coronel Luiz Carlos Segala, o batalhão segue orientação do Ministério Público e do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA). “Apenas cumprindo nosso papel”, afirmou.

Sobre os adultos moradores de rua, Segala informou que a PM faz abordagens em situações suspeitas e os encaminha para verificarem se eles são procurados nas delegacias, e posteriormente liberados. Segundo o 19º, desde março nove destes encaminhados tinham mandados de prisão expedidos.

Em nota, a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social informou que faz o monitoramento diário em toda a Zona Sul.

Últimas de Rio De Janeiro