Polícia prende suspeito de invadir condomínio do 'Minha Casa Minha Vida'

Na operação, agentes apreenderam ainda um carro roubado no local. Namorada do suspeito também foi presa

Por O Dia

Rio - Conhecido como "Bolinho",  Julyo César da Silva Morta, de 23 anos, foi preso acusado de comandar as invasões de um condomínio do "Minha Casa Minha Vida", em Guadalupe. Na mesma operação, realizada nesta quinta-feira, os policiais da Delegacia de Combate às Drogas (DCOD) também prenderam a namorada dele, Adriana de Lima Ferreira, de 26 anos, e Charles de Almeda Chales, de 37 anos.

Em operação%2C polícia também apreendeu um carro roubado dentro do condomínio%2C em GuadalupeDivulgação Polícia Civil

Segundo as vítimas, Julyo foi o responsável por expulsar os moradores dos apartamentos, derrubar um muro e instalar uma boca de fumo no condomínio. Na ação, os agentes apreenderam ainda um carro roubado dentro do local e as chaves do veículos estavam no apartamento invadido, onde o suspeito morava com a namorada.

De acordo com o delegado Antenor Lopes, titular da especializada, Julyo já tem antecedentes criminais por associação ao tráfico e receptação, além de ter dois mandados de prisão. "Cabe lembrar que qualquer indivíduo que for encontrado na posse de apartamentos que não lhe pertencem legalmente, estarão sujeitos a serem presos”, afirmou o titular da DCOD, em nota.

Ainda segundo o delegado, Julyo foi autuado por associação para o tráfico, esbulho de apartamentos, ameaçar moradores e receptação de veículo roubado.

Últimas de Rio De Janeiro