Suspeito morre após trocar tiros com PMs na Avenida Brasil

Homem estava em um carro roubado e fugiu durante operação da corporação no Complexo da Pedreira

Por O Dia

'Geleia' morreu após trocar tiros com PMs na Avenida BrasilDivulgação

Rio - Um suspeito morreu, na manhã desta segunda-feira, após ser baleado por policiais militares na Avenida Brasil, na altura de Barros Filho, Zona Norte do Rio. Segundo os PMs, Nelson Vinicius da Silva do Nascimento, o Geleia, de 28 anos, foi atingido após intensa troca de tiros com os policiais na via expressa, na altura do Morro do Chaves.

O Grupo de Ações Táticas 41º BPM (Irajá) fazia uma operação desde às 6h no Complexo da Pedreira, em Costa Barros, para previnir e reprimir crimes de roubo de veículos, cargas e tráfico de drogas na localidade, quando avisou Nelson fugindo do local em um Hyundai Tucson GL. Os policiais constaram que o veículo era roubado e iniciaram a perseguição na Avenida Brasil.

O homem acabou batendo em outro veículo estacionado e, conforme a PM, saiu do carro atirando contra os policiais. Ele foi baleado e socorrido para o Hospital Estadual Carlos Chagas, em Marechal Hermes, mas não resistiu aos ferimentos e morreu na unidade de saúde. 

Com ele, os PMs apreenderam uma pistola 9mm. Outras duas mulheres que não foram identificadas estavam no carro com Nelson. De acordo com os policiais, Geleia era apontado como responsável por transportar cocaína para o Complexo da Pedreira. No celular de Nelson, os militares encontraram fotos do rapaz portando armas e posando com drogas. O caso foi registrado na 39ª DP (Pavuna).

Últimas de Rio De Janeiro