Polícia encontra mulher de suspeito de chefiar resgate de Fat Family

Ela prestará depoimento na delegacia. Nesta quarta-feira, polícia pediu prisão preventiva de Nezinho do Vidigal

Por O Dia

Rio - Os policiais da Delegacia de Combate às Drogas (DCOD) encontraram, na tarde desta quinta-feira, a mulher de Nervesino Garcia de Jesus, conhecido como Nezinho do Vidigal ou Garcia, suspeito de chefiar o resgate do traficante Nicolas Labre Pereira de Jesus, o Fat Family. Segundo a polícia, o casal tem um filho. Ela estava na própria casa, na comunidade do Pavão Pavãozinho, em Ipanema, na Zona Sul, e foi encaminhada para a delegacia para prestar depoimento.

Nesta quarta-feira, a polícia já havia pedido a prisão preventiva de Nezinho e de outro suspeito, que não foi identificado. Segundo a polícia, a dupla teria trocado tiros com a polícia quando Fat Family foi atingido no rosto, na semana passada, na comunidade do Santo Amaro, no Catete, na Zona Sul. Na ocasião, eles conseguiram fugir e Fat Family foi autuado em flagrante por associação ao tráfico de drogas, tentativa de homicídio e posse ilegal de arma. O inquérito foi concluído nesta quarta-feira. 

Beltrame anuncia hospital de campanha

Um hospital de campanha será construído dentro do Complexo Penitenciário de Gericinó, em Bangu, na Zona Oeste, a partir da próxima segunda-feira. De acordo com a Secretaria de Estado de Segurança, o local receberá os detentos, para que eles não precisem mais ser levados para as unidades de saúde. A decisão foi tomada após homens armados invadirem o Hospital Municipal Souza Aguiar, no Centro, no último domingo, para resgatar o traficante Fat Family.

Segundo médicos%2C Fat Family precisa de cuidados para não agravar ferimento%2C além de cirurgia reparadoraReprodução Internet

A secretaria informou ainda que o secretário de segurança, José Mariano Beltrame, e o secretário de Estado de Saúde, Luiz Antônio de Souza Teixeira Júnior, vão ao local nesta sexta-feira para visitar as instalações e verificar onde será possível montar a unidade. No entanto, o órgão ainda não deu detalhes sobre como será feita a construção, qual é o valor da obra e nem se receberá recursos do governo federal.

Presos que comemoraram resgate são retirados

Quinze presos que estavam custodiados no Complexo Penitenciário de Gericinó foram transferidos para presídios federais fora do Estado do Rio de Janeiro, na manhã desta quarta-feira, em cumprimento a uma determinação do juiz titular da Vara de Execuções Penais, Eduardo Oberg, expedida nesta nesta terça-feira, conforme O DIA noticou com exclusividade.

LEIA MAIS

Polícia pede prisão de Fat Family e de dois suspeitos de participar do resgate

?PM faz operação pelo quarto dia seguido atrás de bando de Fat Family

?PMs que faziam escolta de Fat Family prestam depoimento nesta quinta-feira

Últimas de Rio De Janeiro