Chefe do tráfico morre e sete suspeitos são baleados em operação na Zona Oeste

Portal dos Procurados oferecia uma recompensa de R$ 30 mil por informações que levassem à captura de 'Mil Gol'

Por O Dia

'Mil Gol' era apontado como chefe do tráfico da comunidadeDivulgação

Rio - Uma operação na Favela da Coréia, em Senador Camará, Zona Oeste do Rio, na tarde desta quinta-feira, terminou com um suspeito de tráfico morto e sete baleados. Apontado como chefe do tráfico na comunidade, Gil Pinheiro dos Santos, conhecido como 'Mil Gol' ou 'Mangalô', chegou a ser socorrido, mas já chegou morto na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Senador Camará.

Gil estava sendo procurado pela polícia, com uma recompensa de R$ 30 mil por informações que levassem à sua captura. Ele tinha mandados de prisão por possuir objetos destinados à produção de drogas, associação para o tráfico e porte ilegal de arma de fogo. Segundo o Portal dos Procurados, ele pertencia à facção Terceiro Comando Puro (TCP).

Policiais Militares estão cercando a área para impedir que ônibus sejam incendiadosWhatsApp O DIA

Segundo a Polícia Militar, os outros sete baleados foram atingidos em confronto com os militares. Eles foram levados para o Hospital Municipal Albert Schweitzer, em Realengo, também na Zona Oeste, onde se recuperam sob custódia. Com eles, foram encontrados três fuzis, seis pistolas, três granadas, um rádio e uma réplica de fuzil.

Segundo moradores da região, as ruas estão obstruídas por um caminhão atravessado na Avenida Santa Cruz. As equipes da PM ainda estão cercando o local, tentando conter ameaças de incêndio em ônibus nas vias da comunidade. A ocorrência foi registrada na 34ª DP (Bangu).


Últimas de Rio De Janeiro