Neymar e Cavani em paz na vitória do PSG

Depois da polêmica, craques se cumprimentam e fazem gols nos 3 a 0 sobre o Bayern de Munique. Daniel Alves abriu o placar

Por O Dia

A paz voltou a reinar no Paris Saint-Germain. Além de se procurarem em campo e terem feito gols na vitória por 3 a 0 sobre o Bayern de Munique, em Paris, Neymar e Cavani se cumprimentaram e deram fim à polêmica sobre o relacionamento entre eles, que estaria abalado após um desentendimento em relação ao direito de cobrar faltas e pênaltis. Daniel Alves fez o outro gol do PSG, que chegou aos seis pontos e se isolou na liderança do Grupo B da Liga dos Campeões. O time alemão tem três, assim como o Celtic, que, na Bélgica, passou pelo lanterna Anderlecht por 3 a 0, gols de Griffiths, Roberts e Sinclair.

Outro brasileiro que brilhou na rodada foi Pedro Henrique, ex-Caxias, Rennes e PAOK Salônica, que fez o gol de honra do Qarabag, o primeiro da história de uma equipe do Azerbaijão na fase de grupos da Champions. Seu time, porém, perdeu para a Roma, por 2 a 1, em Baku. Os italianos assumiram a vice-liderança do Grupo C, graças aos gols de Manolas e Dzeko, atrás do Chelsea. De virada, o time inglês bateu o Atlético de Madrid, por 2 a 1, na Espanha, com um gol de Batshuayi, aos 45 minutos do segundo tempo, e chegou aos seis pontos.

Quem sofreu para vencer foi o Barcelona. Em Lisboa, Messi, Cavani & Cia só mantiveram a liderança isolada do Grupo D graças a um gol contra marcado pelo zagueiro Coates, que garantiu o triunfo do time espanhol, por 1 a 0. Mesmo com a derrota, os portugueses seguem em segundo lugar, com três pontos, pois levam vantagem no saldo de gols sobre a Juventus. A Velha Senhora se recuperou da derrota para o Barça, na primeira rodada, e, com gols de Huguaín e Mandzukic, bateu o Olympiacos, por 2 a 0, em Turim.

Goleada, só no no Grupo A, no qual o líder Manchester United despachou o CSKA Moscou, na capital russa, por 4 a 1. Destaque para o atacante Lukaku, que marcou duas vezes Martial e Mkhitaryan fecharam a goleada, enquanto Kuchaev diminuiu para o CSKA. Quem decepcionou foi o Benfica, que sofreu a segunda derrota na competição, e com direito a vexame: 5 a 0 para o surpreendente Basel, na Suíça. Oberlim (dois), Lang, Wolfswinkel e Riveros fizeram os gols do Basel, que chegou à vice-liderança.

Comentários

Últimas de Esporte