Universitário é morto a facadas ao lado de sede de governo

Arlon Fernando da Silva, de 29 anos, foi esfaqueado após ser assaltado por criminosos. Vítima foi socorrida, mas não resistiu aos ferimentos

Por O Dia

Arlon Fernando, de 29 anos, foi morto a facadas próximo a sede do governo, no DF
Arlon Fernando, de 29 anos, foi morto a facadas próximo a sede do governo, no DF - Reprodução

Brasília - Um estudante da Universidade de Brasília (UnB) morreu após ser esfaqueado em uma assalto na noite desta quinta-feira, em Brasília. De acordo com a Polícia Civil do Distrito Federal, por volta das 20h30, Arlon Fernando da Silva, de 29 anos, voltava de bicicleta da universidade quando foi abordado por criminosos em frente à Câmara Legislativa do DF, nos arredores da sede do governo local.

A vítima sofreu uma perfuração profunda na axila, além de lesões na mão e no braço. Arlon foi socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e enviado ao Hospital de Base, mas não resistiu aos ferimentos.

 

O caso será investigado pela 5ª Delegacia de Polícia (DP) do Distrito Federal.

Com informações do Estadão Conteúdo

 

 

 

Comentários

Últimas de Brasil