Coluna Esplanada: A voz de Barbosa

Escuta ambiental foi encontrada na caixa de cabos de telefone debaixo da mesa do ministro Luis Roberto Barroso

Por O Dia

Brasília - A Segurança do STF busca imagens dos últimos três anos do quarto andar da sede dos gabinetes da Corte, para tentar identificar quem instalou escuta ambiental numa sala. O aparelho foi encontrado na caixa de cabos de telefone debaixo da mesa do ministro Luis Roberto Barroso, como revelou o blog da Coluna na última terça. Como estava desativada, os investigadores e a PF têm forte suspeita de que o alvo foi o ocupante anterior do gabinete, o ministro Joaquim Barbosa, relator do Mensalão do PT.

Bobos da corte
O presidente Temer descobriu que Dilma ainda controla 60 cargos de confiança em sua cota pessoal, em vez de 20 de direito. Eliseu Padilha vai cobrar satisfações.

Desnorteado
Lula iniciou operação ‘formiguinha’ para tentar reverter votos do impeachment no Senado. Tão desbaratinado que ligou para senador que votou por Dilma.

Parceiro$
A Lava Jato vai pegar deputados. A PF descobriu que o então senador Gim Argello não agiu sozinho na CPMI da Petrobras para pedir propinas a empreiteiros.

Alô, corruptos!
A OAB pretende implantar nas 27 seccionais o serviço 0800 para receber denúncias de corrupção eleitoral no pleito municipal.

$ocialistas
O PSB, oposição no Governo Dilma, entrou com apetite surpreendente na organização do Postalis, o fundo de pensão dos Correios.

Dirceu 2.0
Advogados cravam que José Dirceu, perdoado no Mensalão, mas de novo condenado – no Petrolão – vai ficar nove anos em regime fechado, dos 23 sentenciados.

Marco Antonio CabralBruno de Lima / Agência O Dia

Paz no campo
Nem tudo é insegurança. Será lançada hoje pelo secretário Marco Antônio Cabral (Esporte) a 2ª Copa UPP, com participação de 30 times de 35 comunidades. Com times compostos por soldados PMs e moradores. É maior evento esportivo-social do País.

No Aconchego
Elba Ramalho foi sondada pela bancada cristã da Câmara para ser a Ministra da Cultura. Recebeu tantas ligações que desistiu. Descobriu onde pisaria.

Meca do Poker
Enquanto avança a legalização de bingos e cassinos, Brasília torna-se a Meca do Poker. Nova casa, de quatro andares, será aberta no Setor Hoteleiro Norte. Já são três.

Dinheiro no lixo
O Governo do DF esboça edital para comprar, por licitação, 80 mil lixeiras de aço inox com coleta seletiva a inacreditáveis R$ 1 mil a unidade.

Batendo asas
Tucanos começam a sair do armário no Ministério da Justiça. Servidores passaram a usar um boton do PSDB para agradar ao novo ministro, egresso do partido.

Voltas da vida
O presidente da Câmara, Waldir Maranhão (PP-MA), é veterinário e foi reitor da Universidade Estadual do Maranhão. Depois que o titular do cargo sofreu impeachment.

Olho em 2018
Henrique Meirelles topou ser ministro da Fazenda porque sonha ser candidato ao Planalto pelo PSD. Trocou salário de R$ 300 mil de CEO pela dor de cabeça do cargo.

Camburão na pista
A PGR prepara a operação fim do mundo no Congresso. Na terça, o blog da Coluna revelou que senador foi gravado por colega em conversa comprometedora. Janot limpou meio andar para força-tarefa trabalhar no caso. A chave está na ignição do camburão.

Tchau, querida
Em reunião no Alvorada há dias, Dilma perguntou a Renan Calheiros se há chances de ela voltar ao cargo. “Nada mudou”, disse lacônico.

Rombo é maior
Relatório confidencial de multinacionais mostra rombo de R$ 700 milhões nas contas da União. Notícia boa é a previsão de alta do preço do barril, para acima de US$ 50.


* Coluna de Leandro Mazzini com Walmor Parente e Equipe DF, SP e Nordeste / contato@colunaesplanada.com.br

Últimas de Brasil