Sucesso nos Negócios: Vale comprar roupas nessas lojas?

Comprar roupas em hipermercados é muito comum em muitos países e, está crescendo aqui no Brasil

Por O Dia

Rio - Em tempo de concorrência acirrada, aquele que conseguir vender primeiro ganha. O dinheiro é um só e está cada vez mais escasso. Os consumidores devem pensar muito antes de assumir qualquer compromisso seja de compra, empréstimo e etc.

No varejo nem sempre sabemos quem é o nosso concorrente. Muitos são concorrentes diretos, aqueles que possuem um negócio no mesmo segmento e outros são considerados indiretos, aquelas lojas que vendem “de tudo um pouco”.

Comprar roupas e acessórios já foi exclusividade de lojas especializadas. Atualmente, os hipermercados buscam oferecer produtos nacionais e importados nos segmentos de cama, mesa, banho e vestuário de muito boa qualidade.

PERGUNTA E RESPOSTA

Tenho visto cada vez mais roupas vendidas em supermercados. Nunca comprei mas observo peças bonitas. Esses produtos são de qualidade igual as das lojas especializadas?”, Ruth Galvão, Niterói

Cada vez mais o processo competitivo entre os diversos formatos de lojas de varejo se tornam mais acirrados. Lojas de roupas e calçados, magazines e hipermercados estão competindo entre si. Este tipo de oferta de produtos como roupas, calçados e outras confecções , são basicamente oferecidos em hipermercados, que tem um sortimento grande de produtos que não somente os alimentos. A intenção é oferecer tudo que um consumidor quer comprar num só lugar.

Comprar roupas em hipermercados é muito comum em muitos países e, está crescendo aqui no Brasil. Isto porque o sortimento das lojas e os compradores estão se aperfeiçoando para oferecer peças de melhor qualidade e seguindo as tendências do mercado.

Os preços, comparados com as lojas especializadas, são bem mais competitivos e atraem muitos consumidores que buscam relação custo x benefício, sem se preocuSe tiver uma oportunidade, faça o teste e experimente, só assim você saber se vale a pena mesmo ou não comprar este tipo de produtos num hipermercado.

Últimas de Economia