Carioca fisga piraúna de 46,800 kg

Por pouco ele não bate o recorde mundial

Por O Dia

Pescador do Rio fisga piraúna de 46%2C800 KgDivulgação

O comerciante Marcelo Braga, de 49 anos, e pescador amador nas horas vagas fisgou uma piraúna de 46,800 kg em Itacuruçá, na Costa Verde do Rio, junto com um grupo de amigos. Ele disse ter levado mais de uma hora de 'briga' com o peixe e embarcou o animal com ajuda dos amigos da sua turma de pesca. A marca ficou próxima à do recorde mundial que pertence a um americano, que pegou exemplar de 51,280kg, nos EUA, em 1975.

Era para ser uma pesca normal entre a turma de amigos que organiza o programa uma vez por mês em Itacuruçá, com o barqueiro Gilmar. Mas a brincadeira acabou se transformando numa grande aventura, quando Marcelo Braga fisgou o peixão e começou a 'briga'. “Foi uma gritaria dentro do barco, quando o bichão veio à tona. ‘É um monstro é um monstro’, diziam os amigos incrédulos”, conta o pescador. E não era para menos.

Por pouco Marcelo, que é comerciante, não bateu o recorde mundial da espécie. A piraúna mediu 1,20m e pesou 46,800kg, ficando a 5kg da marca mundial. Mas ele não lamentou a perda do recorde.“Foi o meu maior peixe. Depois do nascimento da minha filha Tatiana, foi a maior emoção de toda a minha vida”, exalta o sortudo, que precisou tirar as prateleiras do freezer de casa para guardar o peixão.

A piraúna (Pogonias cromis) recebe vários nomes comuns, como perumbeba, miraguaia, vaca e corvina-preta. No Brasil, ela ocorre mais nos estados do sul e Sudeste, aparecendo raramente na Região Nordeste. Qaundo adulta, pode alcançar 1,7m e mais de 50 kg.

A façanha de Marcelo foi no dia 10 de junho. Ele usou camarão vivo como isca e agora disputa o superkit de melhor pescador do mês com mais concorrentes. Veja mais fotos de pescadores abaixo.

Pescador do Rio fisga piraúna de quase 47kgDivulgação

CONDIÇÕES DO TEMPO

Ventos de sudoeste viram o tempo, derrubam temperatura e deixam o mar agitado no fim de semana no Rio. Águas a 18 graus. De Lua Minguante, maior variação hoje é de alta de 1.2m, às 14h, e baixa de 0.4m, às 20h40.

DICAS DE PEIXES

Mestre Canarinho (99953-8100): As iscas são sardinha, camarão e lula: Quebra Mar da Barra — corvinota, papa-terra, pampinho e galhudo; Cagarras — marimbá ,jaguriçá, anchoveta e cangulo; Gragoatá/Boa Viagem — corvina, xerelete, papa-terra e guaivira. ; Ilhas Pai e Mãe — xerelete, corvina, espada e goete.

Carlinhos Piraúna: Para pesca desembarcada: Pracinha Niemeyer — anchoveta; Ipanema/Copacabana, — papa-terra, Arpoador/Leme — anchoveta e xerelete; Pista Claudio Coutinho — marimbá; Urca — carapicu

Gilberto Ohoishi (22-99839-6442): Para pesca embarcada: em Arraial do Cabo, na Praia Grande — pargo, xerelete, cavalinha, pescadinha e corvina; na Ponta do Focinho — maria-mole, castanha, lanceta, abrótea; na Boca da Barra — xerelete, cavalinha e espada; Ponta da Prainha — cavalinha e espada; em Cabo Frio, Ilha dos Papagaios — pargo e olho-de-cão; Ilha Comprida — olho-de-cão, xerelete, pitangola e cavalinha.

Últimas de Esporte