Esbanjando confiança, José Aldo aposta em 'arregada' de McGregror no UFC 189

'Ele vai tremer, vejo isso em seus olhos', disse o campeão dos pesos pena, que vai para sua oitava defesa do cinturão

Por O Dia

Rio - Além de todos as suas qualidades no octógono, que o tornaram o campeão do UFC com mais defesas de cinturão na atualidade e o deixam invicto há mais de 10 anos, José Aldo também esbanja confiança e bom humor. Em um evento de um patrocinador em sua academia, o manauara afirmou que Connor McGregor, seu desafiante no UFC 189, em Las Vegas (EUA), no próximo dia 11, está com medo da 'Luta do Século".

Ele respondeu à altura a última provocação do adversário, que o chamou de patife depois do caso onde seu teste antidoping surpresa terminou em uma grande polêmica, e ainda aproveitou para provocar o irlandês, dizendo que o mesmo "vai tremer" quando estiver com ele frente a frente no octógono.

Esbanjando sua costumeira confiança%2C José Aldo aposta em uma 'arregada' de McGregor no UFC 189Divulgação

"Com certeza (vai tremer). Vejo isso nos olhos dele. Falar até papagaio fala, mas quando está na minha frente, quando vejo o seu olhar, posso sentir isso. Vou caminhar para dentro dele e ele verá quem é o campeão", afirmou.

Com a calma e a tranquilo que lhe são costumeiras, o campeão disse que McGregor é quem busca a promoção através de palavras e provocações, e prometeu que a verdadeira resposta será dada dentro do octógono, dia 11 de julho.

"Geralmente fico bem tranquilo, ele é que está tentando se promover. Uma hora vamos estar frente a frente, e vou deixar minhas mãos falarem por mim. Ele pode falar o que ele quiser, mas na hora vai sentir minha resposta. Tenho certeza que ele vai tremer, já senti isso quando olhei no olhos dele. Eu vou para cima. Ele nunca enfrentou um cara como eu", disse.

LEIA MAIS: Notícias, lutas e bastidores: tudo do mundo do MMA

Após a turnê em que os dois lutadores passaram por diversas cidades do mundo e se provocaram em quase todas, Aldo pôde conhecer melhor o estilo do irlandês. Mas, de acordo com o brasileiro, o desafiante não tem noção do perigo em que se colocou ao desafiá-lo.

"A gente se prepara para tudo, sabemos o que temos que fazer. Mas não me preocupo com isso (provocações), me preocupo comigo, com minhas técnicas. Ele não tem noção do que vem do outro lado. Agora é ficar focado que ele vai cai no meu jogo, vai cair no meu mundo", completou o campeão.

Colaborou Ulisses Valentim

Últimas de _legado_MMA