Com protesto de torcedores e atraso de treino, elenco do Flu se reapresenta

Atividade demorou cerca de 1h30 para começar, antes, torcedores exibiram faixa cobrando atletas por momento ruim

Por O Dia

Rio - Após a segunda-feira de folga, o Fluminense se reapresentou dois dias depois da derrota de domingo para o Internacional, em Porto Alegre. A atividade começou com um atraso de 1h30. Três torcedores que estavam nas Laranjeiras exibiram uma facha protestando pelo desempenho ruim e cobrando os jogadores pelos altos salários que recebem pelo Tricolor. Rapidamente, um segurança do clube dialogou com os tricolores e o protesto terminou.

A novidade dentro do campo ficou por conta da presenção de Gum, Carlinhos e do lateral Renato, recém chegado do ABC-RN. Os dois últimos devem ficar à disposição de Cristóvão para a partida deste fim de semana contra o Criciúma. Já o zagueiro ainda está se recuperando de uma fratura na fíbula. A ausência na atividade ficou por conta de Cícero.

O treinamento dos cariocas atrasou cerca de uma hora e meia. Primeiro entraram em campo, os goleiros Kléver, Felipe Garcia e Diego Cavalieri. Enquanto isso, so demais atletas assistiram a um vídeo no vestiário, depois fizeram trabalhos na academia e aos poucos entraram no gramado das Laranjeiras para participar do treinamento.