G-7 discute segurança digital e crescimento inclusivo em encontro

Autoridades disseram que estão tentando trabalhar mais estreitamente com o setor privado

Por O Dia

Itália - Autoridades de Finanças dos G-7, grupo que reúne os sete países mais ricos do mundo, fizeram, até este sábado, uma reunião de dois dias em Bari, na Itália. E pediram um renovado esforço comum contra o crime cibernético, em uma mensagem apresentada na esteira dos ataques realizados na sexta em dezenas de países.

Coleta de dados e reforço de redes estão entre as propostasEfe


Os ministros de Finanças do G-7 tentam desenvolver uma estratégia de crescimento econômico inclusivo. E criaram um grupo de trabalho especial para combater as ameaças à segurança cibernética.

Autoridades disseram que estão tentando trabalhar mais estreitamente com o setor privado, inclusive por meio de uma coleta mais profunda de dados e compartilhamento de soluções para ataques.

“Na medida em que as pessoas reforçassem suas redes, o ataque teria sido evitado", disse o secretário do Tesouro norte-americano, Steven Mnuchin.

As autoridades de finanças do G-7 recomendaram também que se tome medidas para fazer com que a economia global funcione para todos. Questões como crescimento inclusivo estiveram também entre os temas discutidos na reunião.

Últimas de _legado_Mundo e Ciência