Mesmo com pouca chuva, Sistema Cantareira completa 15 dias de alta

Os reservatórios que compõem o sistema operam com 46,9% de sua capacidade

Por O Dia

São Paulo - O Sistema Cantareira, principal manancial de abastecimento da Capital e da Grande São Paulo, teve seu volume de água elevado em 0,3 ponto porcentual. Nesta segunda-feira, o nível de armazenamento completou 15 dias consecutivos de elevação, segundo boletim diário divulgado pela Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp).

Cantareira é o principal manancial de abastecimento da Capital e da Grande São PauloDivulgação

Após um dia de poucas chuvas, os reservatórios que compõem o Sistema Cantareira operam com 46,9% de sua capacidade. Ontem era 46,6% do total, conforme índice que considera o volume morto como se fosse volume útil. Já de acordo com o índice que contabiliza o volume morto como negativo, o nível de água no Cantareira é de 17,7%.

Fonte de abastecimento de água para o maior número de consumidores na região metropolitana de São Paulo, o Guarapiranga, por sua vez, teve seu volume de água armazenada aumentado em 0,2 ponto porcentual, de 81,5% para 81,7%.

Outros mananciais

O nível do sistema Alto Tietê permaneceu estável em 28,5%, enquanto o do Rio Grande caiu 0,3 ponto porcentual para 88,2% de sua capacidade e Rio Claro recuou 0,2 ponto porcentual, para 80,1%. Já acima da sua capacidade habitual, o volume de água Sistema Alto Cotia caiu 0,2 ponto porcentual para 100,7%.

Últimas de _legado_Brasil