Bebê mobiliza Serviço Secreto ao entrar na Casa Branca

Chefe da segurança brincou dizendo que agentes iam esperar criança falar para interrogá-la

Por clarissa.sardenberg

Estados Unidos - Os agentes do Serviço Secreto que vigiam com zelo a Casa Branca enfrentaram nesta sexta-feira à noite um intruso pouco habitual, um bebê, que passou por entre as grades da residência presidencial, informou um dos porta-vozes da segurança.

Apenas uma hora antes de o presidente americano, Barack Obama, anunciar a autorização para bombardear posições jihadistas no norte do Iraque, os agentes tiveram que intervir quando o pequeno bebê se separou de seus pais e passou por entre as barras que protegem a Casa Branca.

O protocolo de segurança do Serviço Secreto foi acionado, mas eles só precisaram devolver o bebê aos pais.

"Íamos esperar até que aprendesse a falar para interrogá-lo, mas desta vez demos uma colher de chá e o devolvemos aos seus pais", explicou Edwin Donovan, porta-voz do Serviço Secreto, em comunicado de madrugada.

A Casa Branca, no centro de Washington, é um dos destinos preferidos para os turistas na cidade e todos os dias centenas deles passeiam e posam diante das cercas sob o atento olhar dos agentes.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia