Mulher suspeita de mandar assassinar o namorado é presa novamente

Elen Cristina Curi é acusada de participar da morte de Felipe Lavina Machado, em outubro do ano passado, na Baixada

Por O Dia

Elen Cristina Curi é acusada de participar da morte de Felipe Lavina MachadoReprodução Facebook

Rio - Policiais da Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense (DHBF) prenderam, na tarde desta quinta-feira, Elen Cristina Curi Ferreira. Ela é apontada como a mandante do assassinato do próprio namorado, Felipe Lavina Machado, de 27 anos, em outubro do ano passado. Luigi Cirino dos Santos, que teria participado da execução do empresário, dono de uma academia em Mesquita, também foi preso.

O crime ocorreu no bairro K-11, em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense. Elen foi presa num apartamento na Avenida Nossa Senhora de Copacabana, na Zona Sul.

Elen e Luigi já haviam sido detidos no dia 12 de novembro, duas semanas após o crime, mas ela beneficiou-se de um habeas corpus e foi libertada há 30 dias. Os dois foram indiciados no crime de latrocínio, o roubo seguido de morte. Na ocasião, foram levados R$ 10 mil que estavam em um cofre na casa de Felipe, além de roupas e celulares.

De acordo com a polícia, Elen teria facilitado o acesso dos criminosos à residência, em Mesquita. No dia do crime, ela alegou que foi vítima de um sequestro.

Últimas de Rio De Janeiro