Jovem encontrada morta em Rio das Ostras foi estrangulada, segundo polícia

Segundo o delegado, o namorado da adolescente e o pai dele são suspeitos, já que estão desaparecidos desde sábado

Por O Dia

Rio - Uma adolescente foi morta após ter sido estrangulada. O corpo de Victória de Souza, de 16 anos, foi encontrado, neste sábado, na Praia da Joana, em Rio das Ostras, Região dos Lagos. De acordo com a polícia, o namorado dela, também de 16 anos, é o suspeito de cometer o crime.

A adolescente, que fazia aniversário no dia em que foi localizada, estava desaparecida desde terça-feira, quando saiu de casa em Macaé, no Norte Fluminense, para encontrar o rapaz. No Facebook, o pai da vítima, que é sargento da Polícia Militar, chegou a dizer que antes de ir encontrar o namorado, a menina ligou para o suspeito e depois não fez mais contato com os familiares.

?LEIA MAIS: Jovem desaparecida é encontrada morta em Rio das Ostras

O delegado Victor de Azevedo Moreira, da 123ª DP (Macaé) e responsável por apurar o fato, disse que o namorado e o pai dele são possíveis suspeitos, já que estão desaparecidos desde a manhã do último sábado. Há imagens das câmeras de segurança que flagraram Vicória e o rapaz andando nas redondezas da Praia da Joana. O garoto foi ouvido na sexta-feira, mas liberado. Ele chegou a compartilhar as informações do desaparecimento da adolescente.

Jovem foi encontrada morta em Rio das Ostras neste sábadoReprodução Facebook

“Os fatos estão sendo apurados, mas os dois constam como desaparecidos, uma vez que tentamos trazê-los para uma condução coercitiva e não foram localizados”, explicou o policial, acrescentando que o corpo de Victória foi encontrado sem short. No entanto, o laudo de necropsia do Instituto Médico Legal (IML) só aponta o estrangulamento.

A jovem foi sepultado na manhã deste domingo no Cemitério Memorial, em Macaé. Nas redes sociais, amigos culpam o namorado e pai dele. Muitos também lamentam o ocorrido.

“Daria tudo para ter você comigo e só queria ouvir a tua voz agora. Meses atrás planejávamos comemorar seu aniversário de um jeito que fosse perfeito”, lembrou uma amiga.

Últimas de Rio De Janeiro