01 de janeiro de 1970
  • WhatsApp (21) 98762-8248

quem sai e quem fica no 'Domingo Espetacular'?

Por O Dia

A direção da Record sabe muito bem que, dia mais, dia menos, será obrigada a meter o dedo na ferida e promover, ainda que tardiamente e muito depois de ter deixado o caldo entornar, as mudanças que são necessárias e reclamadas na apresentação do 'Domingo Espetacular'. Já de muito tempo existe o convencimento de que não é mais possível deixar como está. O clima entre os seus apresentadores, mesmo após o mais recente apaziguamento, apenas atendeu ao protocolo. E em nada serviu para diminuir ou contornar tão conhecidos conflitos.

Ao contrário, hoje, em relação ao clima de beligerância que há tempos se arrasta, existe o convencimento de que não é mais possível conciliar e nem mesmo fazer de conta que não existe. Só que erra, e erra feio, quem aposta na saída de Paulo Henrique Amorim, apontado pela maioria como principal causador de todos os problemas. Nada é tão simples assim. São muitos e bem delicados os interesses em jogo.