CAMINHO LIVRE

Por O Dia

A decisão da 57ª Vara do Trabalho, que impedia a venda da Cedae, foi cassada ontem pelo presidente do Tribunal Regional do Trabalho 1ª Região (TRT), desembargador Fernando Zorzenon. O magistrado apreciou pedido de "suspensão de liminar" feito na terça pela Procuradoria Geral do Estado (PGE). O procurador-geral, Leonardo Espíndola, ressaltou que a decisão do desembargador "representa a possibilidade de realizar a operação de crédito".

Comentários