Presidente da Ferj enaltece história do Bangu e brinca com Paes: 'Vasco é vice'

Rubens Lopes ressaltou que o alvirrubro foi o primeiro time brasileiro na luta pela igualdade racial no esporte

Por O Dia

Rio - Durante o lançamento do calendário comemorativo do 'Rio 450 anos', realizado nesta sexta-feira, no Palácio da Cidade, em Botafogo, o presidente da Federação Carioca de Futebol, Rubens Lopes, aproveitou o clima de festividade para brincar com o prefeito Eduardo Paes.

LEIA MAIS: Notícias, resultados e bastidores do Campeonato Carioca

Bola do Cariocão 2015 terá logomarca do 'Rio 450 anos'Fábio Gonçalves

Durante seu discurso no evento, Rubens Lopes ressaltou que o Bangu foi o primeiro clube brasileiro a admitir negros e operários em seu time de futebol e, com isso, o Vasco (time do coração do prefeito Eduardo Paes) era vice mais uma vez, em alusão à fama dada pelos rivais ao Cruzmaltino.

"O Vasco por muitos anos apontado como o pioneiro na luta contra a desigualdade racial. Mas nos anos 2000, uma pesquisa feita pela Alerj (Assembleia Legislativa) descobriu que o pioneirismo foi do Bangu. Na época eu era o presidente do Bangu e fomos agraciados com uma medalha. Então, com todo o respeito, o Vasco é vice de novo", afirmou o mandatário da Federação carioca. 

Também no evento, foi anunciado que a bola e a taça de campeão carioca de 2015 levaram a logomarca do 'Rio 450 anos'. No fim da cerimônia, Eduardo Paes não quis confirmar uma data, mas deixou escapar que o Engenhão será reaberto antes do aniversário da cidade, em 1º de março. A nova diretoria do Botafogo aguarda a reabertura do estádio para o fim de janeiro.

Últimas de Esporte